| Login | Crie o seu Jornal Online FREE!

FRADEMA NEWS
Desde: 16/04/2004      Publicadas: 251      Atualização: 27/10/2005

Capa |  Consultoria  |  Curiosidades  |  Cursos e Seminários  |  Dia a dia  |  Humor  |  Internacional  |  Legislação  |  Notas  |  Serviços  |  Tributário


 Internacional

  17/09/2004
  0 comentário(s)


Brasil e Japão discutem ampliação das relações econômicas bilaterais

O primeiro-ministro do Japão, Junichiro Koizumi, em visita oficial ao Brasil, disse ontem que o tema prioritário das conversas que manteve com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi a redinamização da relação econômica entre os dois países, inclusive com a cooperação no setor de exploração de recursos de energia e de infra-estrutura.

Brasil e Japão discutem ampliação das relações econômicas bilaterais
Koizumi ressaltou, entretanto, que o Japão e o Brasil precisam não apenas fortalecer o relacionamento bilateral, mas também cooperar no âmbito internacional. “O Japão e o Brasil têm interesses comuns em vários temas e, assim, estou certo de que os dois países poderão cooperar cada vez mais como parceiros globais”, afirmou.

O primeiro-ministro disse que, durante sua visita ao Brasil, pôde constatar que o país “desenvolve-se com vigor, superando as adversidades no caminho da consolidação do desenvolvimento estável”. Segundo Koizumi, a situação econômica do Japão recupera-se com firmeza. “O ambiente para a reativação da relação econômica entre o Japão e o Brasil tem tido melhora sensível nesses dias”, afirmou.

Após uma reunião reservada entre o presidente Lula e o primeiro-ministro Koizumi, ministros dos dois países se juntarão a eles. Entre os assuntos a serem tratados no encontro estão o incremento das relações nipo-brasileiras e a presença de uma significativa comunidade brasileira no Japão. Eles também tratarão de temas da agenda multilateral, com ênfase na reforma da Organização das Nações Unidas e na cooperação internacional para a promoção da paz, da segurança e do desenvolvimento.

Dentro da agenda bilateral, Lula e Koizumi buscarão formas de dinamizar as relações econômicas, comerciais, financeiras, científico-tecnoló-gicas e culturais entre os dois países. O presidente Lula deverá ainda expressar sua intenção de visitar o Japão em 2005.

Após a reunião no Palácio do Planalto, o presidente brasileiro oferecerá um almoço à comitiva japonesa no Palácio do Itamaraty. Às 16h, o primeiro-ministro japonês deixa o país com destino ao México.



  Mais notícias da seção Tributos no caderno Internacional
17/06/2005 - Tributos - Ex-proprietário da Daewoo confessa fraudes contábeis
O ex-proprietário da gigante sul-coreana Daewoo, Kim Woo-Choong, preso na terça-feira em Seul, confessou fraudes contábeis destinadas a obter empréstimos de maneira ilegal, mas negou as acusações de malversação de fundos. ...



Capa |  Consultoria  |  Curiosidades  |  Cursos e Seminários  |  Dia a dia  |  Humor  |  Internacional  |  Legislação  |  Notas  |  Serviços  |  Tributário
Busca em

  
251 Notícias